domingo, 8 de abril de 2012

Meu (futuro) Dono ...



(...) O meu homem perfeito apesar de não ter rosto definido ( é sério; nunca consegui imaginar ) me agrada em todos os sentidos... Seus braços me envolvem e me dão proteção, Suas mãos me seguram com energia, mas sem perder a ternura.

Quero um homem que me faça tremer ao ouvir Sua voz, que me imponha respeito e admiração, que ordene com brandura e que seja atendido pelo simples fato de ser Ele.

Quero um homem a quem possa me entregar por completo, sem medo, que tenha ingerência total sobre a minha pessoa e saiba decidir a melhor forma que eu possa servi-Lo, que me mostre o caminho e o percorra comigo, que saiba se impor na mais simples das atitudes, que eu possa confiar.... me deixe exausta de tanto prazer... que saiba ensinar ...

Que me queira sempre bela como um objeto caro, que chegue de surpresa e teste a minha obediência... que não hesite em me castigar, mas que seja doce e me faça sonhar ... que povoe meus pensmentos, entre sem pedir licença nos meus devaneios mais secretos, faça parte da minha vida como o ar que respiro, que seja cruel na medida certa mas, também que saiba me fazer sorrir.

Quero um homem que me inspire devoção e que saiba cultiva-la, que me queira só sua e que também, eu, possa ser uma fonte do seu prazer... quero estar em Suas mãos, quero ser controlada, quero ser escrava do Seu desejo quero sentir a alegria de satisfaze-lo e retribuir todo o prazer que sinto por ser propriedade Dele... E é uma felicidade diferente, quase explosiva saber que pertencemos a alguém de uma maneira tão especial, tão completa, tão fora dos padrões convencionais.

Procuro um homem que seja meu Dono, que pense como eu, que não ache tudo isso muito esquisito, que seja sério, me compreenda e viva comigo essa fantasia e que entenda que, antes de qualquer coisa, sou uma mulher igual às outras, apenas um pouco menos convencional. 

( Fonte: Site do Carcereiro )
 

Um comentário: